Um destino

Qual o gosto eterno da ajuda?

Fugaz… ou permanece?

Fica um momento,

Tomo seu rumo e desaparece.

                   

Quem deseja, assim o esquece,

O gosto ou satisfação,

Pelo ombro emprestado,

Fica connosco a sensação,

De alívio frustrado.

 

Por aqueles que não entendem,

Por aqueles que não querem saber,

Por um momento de glória,

Pela ideia de vencer,

Se ajuda é tudo o que posso dar,

Darei, até findar.

Se o suspiro, é o que receberei…

Venha! um destino lhe darei.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *