Faz o que te faz feliz

Faz o que te faz feliz

Fazer o que nos faz felizes. Às vezes é tão simples como isto.

É preciso divertirmo-nos. Fazer o que é preciso e ter prazer nisso. Encontrar a parte de entretenimento que a nossa Arte nos traz.

Se é aborrecido, mas importante, há que continuar até concluir. Se é só aborrecido, e nada ou pouco importante, há que abandonar por completo.

A arte transmite aquilo que somos e sentimos. Click To TweetSe um texto, quadro, projecto, não nos traz alegria, felicidade, entusiasmo, medo, ansiedade, ou qualquer que seja o sentimento apropriado a esse pedaço da nossa obra, então porque insistimos?

Por vezes é preciso assumir coisas sem sentido, verdadeiras brincadeiras, apenas pelo prazer de as executar. Definir Rituais e Hábitos Criativos. Não precisamos ter um grande plano para construir uma estrela, pintar um elefante, tirar uma foto ou escrever um poema.

É preciso que essa pequena/grande obra nos agrade, divirta, e contenha em si o sentimento apropriado.

Podemos adorar pintar e decidir que nos apetece aprender dança do ventre. Ou, adorar escrever e começar a desenhar. Ou, tocar guitarra e ter aulas de canto. Importante é que o façamos com vontade e que nos sintamos felizes enquanto

Qualquer que seja a nossa arte, o espírito de todas as outras servem para alimentar essa parte criativa que temos. Até redecorar.

Adoro escrever e mudar a mobília de sítio (olhem para o meu novo cantinho…

o meu canto

Uma solução improvisada, mas que me tem deixado muito feliz!) E, é esse sentimento de felicidade que me ajuda a sentar no meu cantinho (literal) e teclar um bocadinho.

Gostam de colagens? De quadros? De artefactos espaciais? De coleccionar selos ou pintar por números? De passear no jardim ou desfrutar de grandes sessões de talassoterapia? Gostam de escrever? De cinema? E Livros?

O que quer que seja que gostem, sejam felizes a fazê-lo. Façam-no com gosto. E, toda essa motivação e inspiração irá transbordar para a vossa obra.

E tu? O que te faz feliz? Adorava ler os vossos comentários…

Subscrevam este blogue e recebam todas as novidades por e-mail.

Donate! Help support this site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *