A importância de Rituais no Processo Criativo

Rituais no processo criativo

Não é o primeiro artigo aqui no blog sobre rituais de escrita.

Escrevi ‘Rituais para Criar, Simplificar e Concentrarmo-nos na nossa Arte‘ e ‘ read more

Publicidade Fast-food ou Gourmet?

fast food ou gourmet

A vida nas cidades transformou-se numa espécie de restaurante fast-food. Em tudo e para todos. A publicidade sofre do mesmo. Consumo rápido e digestão difícil.

Corremos para todo o lado. Apressamo-nos durante a semana, para chegar ao sítio onde nos pagam, onde executarmos aquilo para que nos contrataram. Trotamos ao fim-de-semana, para pararmos onde desejamos (desejávamos) descontrair, read more

Viver e Escrever com Simplicidade

viver e escrever com simplicidade

Simplicidade. Quando a escolhi nunca pensei acertar. Pelo menos, não desta forma.

Este é o balanço da minha palavra orientadora para 2017, um dos exercícios anuais que adoptei e tenho mantido há já uns tempos. Uma brincadeira que aconselho aos espíritos livres.

Simplicidade.

Mas, Simplicidade tem de começar por Simplificar.

E, nunca, tal foi tão necessário como em 2017.

read more

Rituais para Criar, Simplificar e Concentrarmo-nos na nossa Arte

Rituais Criar, Simplificar e Arte

É difícil começar. Todos os dias, é difícil começar. Mesmo quando há um projecto em andamento. Mesmo quando há vontade.

Uns chamam-lhe Resistência (Resistance). Outros, bloqueio de escritor. Alguns, energias acumuladas ou stress. Eu, no meu charmoso calão, chamo-lhe uma real trampa ou uma rica m****.

Todos os dias read more

Escrever pseudo-cenas, assumir cagadas e o poder dos egos alheios

Escrever pseudo-cenas, assumir cagadas e o poder dos egos alheios

Vale a pena continuar a Escrever? Não. Sim. Talvez.

E, assim, se faz um livro com esse mesmo título “Vale a pena?” Erudito, não é?

Opinião, opinião sobre este livro podem ler aqui… Este artigo é mais um acrescento à discussão. São meia dúzia de ideias que me assolam quando penso sobre estes temas literário-livrescos.

Num mercado que sempre se teve, e se prezava, como read more

Opinião: “Vale a pena? – Conversas com escritores” de Inês Fonseca Santos

Vale a pena

Começo a escrever esta opinião antes de terminar a leitura deste livro. Tenho receio de me esquecer de alguma coisa. E, acho que, muito ficará por dizer.

Continuo a escrevê-la já o terminei há bastante tempo mas, primeiro, surgiu um texto mais… apaixonado sobre esta leitura (que podem ler aqui…).

Nestas conversas francas, muito parcialmente registadas nestas páginas, read more

Mais umas pedras no caminho

mais umas pedras no caminho

Acho que todos nós, de tempos a tempos, nos sentimos desiludidos com a vida que escolhemos. O tempo que empregámos, numa determinada arte, persegue-nos como se aquelas horas fossem feitas de ressentimentos que não podemos evitar.

Por vezes, estes bloqueios arrastam-se durante dias, meses ou anos.

E, se não chegamos mesmo a abandonar a nossa arte por completo, relegamo-la para um local de read more