Novo dia

Novo dia, assim amanhece,

Num queixume de maravilhas,

Rodeada de luz que enaltece,

Enlevada em demasia.

Novo dia, devagar escurece,

Num chorrilho de profecias,

Rodeada de benesse,

Embalada pela maresia.

Oh, como eu gostaria

De provar essa luz que obscurece,

Mudava a vida… Como seria?

Amanhecer, envelhecer num dia.

Nua na luz do novo dia,

Como se o corpo fosse,

O copo que se esvazia.

Oh, como eu gostaria,

De read more

National Novel Writing Month

Escrever, sem parar, até atingir as 50 000 palavras! Parece assustador, e para mim foi assustador. A minha experiência de escrita resume-se a páginas e páginas de poesia, letras de músicas, e um romance que demorou um ano a escrever. Tudo isto devidamente arrumado na gaveta!

Por isso, quando pensei em inscrever-me no NaNoWriMo, duvidei se seria capaz, se conseguiria escrever uma história coerente read more

O que faz um génio?

A minha primeira lição aprendida sobre escrita, e sobre a criação em geral, foi:

Escreve com o Coração.

O excesso de Racionalidade atrapalha o processo de Criação. E, ensinou-nos a História que, foram as loucuras de alguns indivíduos que constituíram o impulso de criação genial. Fossem loucuras do género de desarranjo mental, ou induzidas por substâncias estranhas, ou provocadas por inadequações sociais, read more

Desabafo do Mal Empregue

É com o coração pesado que encaro mais uns minutos de pesquisa on-line. Procurar trabalho equivale a colocar em perspectiva toda a nossa vida, encarando a realidade das nossas escolhas. E ponderar o peso dessas escolhas, que influenciaram o caminho que segui, não é nenhuma história de alegrias e vitórias. Antes uma de escolhas entre males menores e maiores.

read more

http://health.howstuffworks.com/dream5.htm

– O funcionamento do cérebro enquanto dormimos – Sonhos Lúcidos ou controlo do que sonhamos (a inspiração encontrada durante os sonhos). – Incubação de Sonhos ou resolução de problemas – Significado dos Sonhos

Um artigo conciso e interessante sobre o cérebro, o sono e os sonhos…

O Martelo das Feiticeiras

http://www.dhnet.org.br/dados/livros/memoria/mundo/feiticeira/introducao.html   “

Para compreendermos a importância do Malleus é preciso ter­mos uma visão ao menos mínima da história da mulher no interior da história humana em geral. (…)Todos, homens e mulheres, passam a read more

A minha mente

Não me recordo do dia,

Em que a luz se tornou sombria,

A sua voz se tornou ausente,

O vazio se tornou assente.

                                        

Não me lembro do momento,

Em que tudo desapareceu,

O desejo ausente,

O ser que morreu.

 

A dor que se resume,

Assemelha, e se torna lume,

Queima a esperança vã,

Lamento por não ser sã.

 

A mente foge e esconde-se

read more