O que faz um génio?

A minha primeira lição aprendida sobre escrita, e sobre a criação em geral, foi:

Escreve com o Coração.

O excesso de Racionalidade atrapalha o processo de Criação. E, ensinou-nos a História que, foram as loucuras de alguns indivíduos que constituíram o impulso de criação genial. Fossem loucuras do género de desarranjo mental, ou induzidas por substâncias estranhas, ou provocadas por inadequações sociais, read more

Desabafo do Mal Empregue

É com o coração pesado que encaro mais uns minutos de pesquisa on-line. Procurar trabalho equivale a colocar em perspectiva toda a nossa vida, encarando a realidade das nossas escolhas. E ponderar o peso dessas escolhas, que influenciaram o caminho que segui, não é nenhuma história de alegrias e vitórias. Antes uma de escolhas entre males menores e maiores.

read more

Líderes precisam-se, com urgência

  Estatísticamente falando e pessoalmente também, o que mais há: Falta de líderes, Presunção de liderança e Coordenação imbecil.   O artigo do link em baixo só ajuda a confirmar a ideia: Líderes precisam-se, com urgência   http://clix.expressoemprego.pt/scripts/Actueel/display-article.asp?ID=1825   Agora a questão é será que não existem? Ou andam “escondidos”? Ah! Já sei, é que só é líder quem possui todos os factores determinantes: conhecimentos, dinheiro, boa linhagem e pouca imaginação…

É o vírus…

Dia de constipação. Ou será de constiparvação? Um bocadito das duas coisas… é o vírus da parvoíce que se apodera de nós quando estamos mais fracos (tal e qual como o verdadeiro vírus). Que nos leva a ter febres desmesuradas, dores pelo corpo todo e faz com que a cabeça não pense em coisas com sentido. Tudo são lógicas difusas de quem está doente.

O read more

Precário?!

Eu achava que este meu “espacinho” não iria servir para isto. Mas a verdade é que os últimos tempos a minha vida tem sido esta… precariedade, insegurança, raiva… entre outros… Fica aqui um pedacinho de quem se explica melhor do que eu neste contexto:  

“…deu-se aos trabalhadores o reverso da medalha: uma lei de despedimentos que garante trabalho até à eternidade a quem o tem e precariedade para sempre a quem o não read more

Fotos

Adoro fotos! Adoro os momentos que as fotos captam… Aquele sentimento que cada foto desperta em quem vê… Alegria, indiferença, saudade… Momentos que quem deseja lê.   São recordações guardadas em papel, tangíveis, que se podem agarrar com os dedos e segurá-las junto ao coração. Como se as levasse para dentro de mim, sensíveis, A todo o sentir da minha ilusão.   São mensagens de Amor, Amizade, Calor ou Saudade… É recordar aquela brisa que batia na cara… Aquele sol que fazia doer a vista, ou aquela água fria a gelar os pés…   Adoro fotos… mesmo quando odeio a foto, o momento odiado fica ali, estagnado no tempo. À espera de ser visto de outra forma… São mensagens enviadas pelo sentimento. É verdade! Adoro fotos e a própria palavra “foto”… Mensagens subliminares, são talvez… São só momentos sem “porquês”   Adoro fotos…