O Martelo das Feiticeiras

http://www.dhnet.org.br/dados/livros/memoria/mundo/feiticeira/introducao.html   “

Para compreendermos a importância do Malleus é preciso ter­mos uma visão ao menos mínima da história da mulher no interior da história humana em geral. (…)Todos, homens e mulheres, passam a read more

A minha mente

Não me recordo do dia,

Em que a luz se tornou sombria,

A sua voz se tornou ausente,

O vazio se tornou assente.

                                        

Não me lembro do momento,

Em que tudo desapareceu,

O desejo ausente,

O ser que morreu.

 

A dor que se resume,

Assemelha, e se torna lume,

Queima a esperança vã,

Lamento por não ser sã.

 

A mente foge e esconde-se

read more

Ser criança

Se pudesse aprender de novo,

Voltar no tempo, e ser criança

Se pudesse voltar no tempo,

E ser criança novamente.

Se pudesse encerrar o tempo,

Nesses dias de esperança,

Voltaria a ser criança…

Aquela que espera concretizar o momento.

Se pudesse voltar no tempo,

Tempo de novidades e oportunidades,

Aprenderia a ser criança,

Para não voltar a sentir saudades.

Se pudesse ansiar algo mais,

read more

Fernando Pessoa_Vários

“Tudo que existe existe talvez porque outra coisa existe. Nada é, tudo coexiste: talvez assim seja certo..”

“Possuir é perder. Sentir sem possuir é guardar, porque é extrair de uma coisa a sua essência.”

“De sonhar ninguém se cansa, porque sonhar é esquecer, e esquecer não pesa e é um sono sem sonhos em que estamos despertos.”

“Se escrevo o que sinto é porque assim diminuo a febre de sentir. O que read more