Lançamento de ‘São Horas’ na Antologia ‘Entre o Sono e o Sonho’ no Casino Estoril

capa tomo I

Como já tinha anunciado aqui no blogue, pelo segundo ano consecutivo, irei ver um dos meus poemas publicado no vol. IV da Antologia de Poesia Contemporânea ‘Entre o Sono e o Sonho’, da Chiado Editora.

read more

‘São Horas’ foi o escolhido e figurará no Tomo II desta Antologia Poética… e continua a ser uma grande emoção read more

Diário de Bordo: Actividades Literárias de Fevereiro

Diário de Bordo

Este é o Diário de Bordo de Fevereiro de 2013. Este mês foi um pouco mais calmo em alguns aspectos e mais animado noutros. Começo pelos mais animados… Publicações:

No último dia de Fevereiro (ou então no primeiro de Março) temos a confirmação oficial da chegada às bancas da Fénix N.º2.

É com enorme prazer que volto a comunicar que podem ler um dos read more

Diário de Bordo: Balanço de 2012

Diário de Bordo

Quem diria que 2012 seria um ano tão animado?! No meio de tudo o que não é relevante para este artigo, mas que foi brutalmente importante nos restantes aspectos da minha vida, 2012 foi um ano muito preenchido.

O lançamento do meu livro ‘Percepção’ trouxe os seus frutos no decorrer deste ano. Entre entrevistas, opiniões e uma miríade de efeitos derivados, read more

Ausência Consagrada em imagens

Uma ideia, uma celebração especial e um momento único…

Espreitem o novo vídeo de ‘Ausência Consagrada’ aqui, no blogue ‘Ser Poeta’

ΦΦΦΦΦ

Deixem aqui os vossos comentários ou enviem e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

Novo Desafio: Conheçam o ‘Ser Poeta’

Às vezes é preciso parar de andar para a frente, contemplar o que ficou para trás, organizá-lo e, só depois, voltar a avançar.

Não gosto particularmente de nenhuma acção que implique inacção, mas sei que elas são necessárias e (esporadicamente) essenciais. Ontem foi um desses dias.

No final da tarde não estava particularmente orgulhosa de mim porque, read more

Lançamento da Antologia “Entre o Sono e o Sonho” no Casino Estoril

No rescaldo do lançamento da Antologia de Poesia Contemporânea “Entre o Sono e o Sonho”, publicada pela Chiado Editora, nada melhor do que reviver alguns momentos captados por uma lente fotográfica. Assim, deixo-vos aqui, algumas fotografias do evento e a hiperligação para o álbum completo (no Pinterest, conhecem?)

@Entre o Sono e o Sonho no Pinterest

Foi read more

“A Dança” de Pablo Neruda

Não te amo como se fosse rosa de sal, topázio
Ou flecha de cravos que propagam fogo:
Te amo como se amam certas coisas obscuras,
Secretamente, entre a sombra e a alma.

Te amo como a planta que não floresce e
Leva dentro de si, oculta, a luz daquelas flores.
E graças a teu amor, vive oculto em meu
Corpo o apertado aroma que ascende da terra.

Te amo sem saber como, nem quando, nem onde.
read more