Pausa de Domingo: Desligar e Responsabilizar

pausa de domingo

Nesta pausa de Domingo, pergunto:

Conseguimos desligar de tudo e responsabilizar-nos por aperfeiçoar a nossa arte?

Esta semana que passou foi… intensa.  Um aniversário. Quatro bolos. Presentes. Feriado. Médicos e consultas. Outras coisas difíceis… e, esforços para chegar a todo o lado…

Em simultâneo, continuo focada em descobrir aquelas coisas que me ajudam a procurar as respostas para a minha arte/vida e a manter-me responsável pela minha criatividade.

Esta pergunta, ‘consigo responsabilizar-me por aperfeiçoar a minha arte?’, tem sido uma constante, mas durante esta semana, tomou uns contornos mais definidos.

O que significa responsabilizar-me por aperfeiçoar a minha arte?

O que significa foco impenetrável no que preciso fazer?

O que significa responsabilizar-me pela minha vida criativa?

O que significa desligar de tudo?

Que contornos são estes que a vida criativa exige? Ou será a Vida de um modo geral?

Não faltam discursos motivacionais, indivíduos que apregoam as técnicas, exemplos do que uma vida dedicada a algo pode ser. É só procurar na net, numa rede social ou no feed de vídeos habituais e descobrimos um monte de gente a apregoar o que temos de fazer.

E, eu que só desejava que este processo fosse mais natural!!!!

Mas, e se nunca nos ensinaram a sermos assim? E se, no fundo, não acreditamos que seja a falta de empenho a fazer a diferença? E se, conseguimos ver o que podia ser, mas não conseguimos concretizá-lo?

Esta são perguntas para as quais não tenho resposta.

E, também me relembro, constantemente, que é possível crescer desta forma. É possível dedicar-me de verdade às minhas artes. É possível viver com estas práticas como parte integrante da minha existência diária.

E, no entanto, os dias não são todos iguais. A saúde não é uniforme. As surpresas, e mesmo as ocasiões planeadas, tendem a tomar controlo de tudo… mesmo se encaixadas no quadrado do calendário apropriado. Gestão de tempo é uma utopia quando todas as horas do dia têm um propósito maior.

A nossa energia não é um fluxo constante, que nos permita definir e executar projectos, com o melhor resultado expectável, e ainda sobrar vontade para continuar.

O poço criativo tem de receber, para dele podermos retirar.

Na semana passada esculpi um poço criativo real, representação do figurativo do qual tanto falo… e adorei! Deixo-vos aqui a imagem:

poço criativo
Representação do poço criativo.

Conheço bem qual é o sentimento de ‘Sinto-me responsável por tudo’. Tenho de aprender tudo, fazer tudo, tentar tudo… e, no entanto, a minha vida não é assim tão linear que me permita concretizar tudo.

Nunca foi. Nunca será.

Sinto-me responsável por tudo e, no entanto, sinto sempre que devia fazer mais.

Como nesta Pausa de Domingo, não haverá uma pausa efectiva (continuo na saga festejo de aniversário infantil), resta-me aproveitar os pequenos momentos para descansar, escrever qualquer coisa, aprender o que posso, com o que tenho ao meu alcance.

E, entretanto, pratico a arte de aperfeiçoar o bolo de chocolate decorado no tema ‘Encanto‘…

e, por aí?

Conseguem responder a isto? Conseguimos desligar de tudo e responsabilizar-nos por aperfeiçoar a nossa arte?

Boa Pausa de Domingo.

***

Querem ajudar este blog a continuar? Comentem, aqui em baixo, Gostem e Partilhem nas vossas redes sociais.

Obrigada e Até Breve!

Sigam o Vlook, o canal YouTube deste blog, só sobre livros…

Não se esqueçam de subscrever o blog por e-mail e recebem, todos os Sábados, um vislumbre exclusivo sobre os bastidores.

2 comentários em “Pausa de Domingo: Desligar e Responsabilizar”

  1. Boa tarde.
    Gostei de ler as suas palavras, mas noto que me transmitem um ideia sobre si diferente do que a sua própria imagem, a que tenho aqui à frente, transmite. Há diferença? Onde é que está a diferença. Será que existe?

    1. Boa tarde António, as imagens que fazemos dos outros são sempre incompletas.
      Obrigada pelo comentário, espero que goste de ler os artigos.
      Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: