[pausa de domingo] os “quês” de planear o que se aproxima

planear

Nunca ninguém disse: “Vamos fazer um plano porque temos a certeza da sua concretização com sucesso absoluto!“… se disseram, no fim encontraram um “Não!

***Aviso: Tenho umas perguntinhas para vocês no final deste artigo…*** read more

[pausa de domingo] Atenção às Confluências de Factores que nos impedem de descansar

coração

Sou adepta fervorosa de manter várias espécies de blocos de notas. Chamo-lhes journals porque considero-os uma espécie de evolução dos ditos diários. Diários que durante anos me provocaram uma antipatia inexplicável.

Assim, precisei de evoluir no domínio dos blocos de notas onde registo as minhas actividades diárias. E, foi o que fiz. read more

[pausa de domingo] regresso da grande pausa

regresso da pausa

Primeiro Domingo de Setembro e… estamos de volta!

Esta é a primeira pausa após a grande pausa… ou de uma delas, pelo menos… ou da pausa de Verão, aqui neste hemisfério em que nos situamos… e, sei que, nem todos tivemos pausa nesta altura… ou quantos de vós não têm pausa… enfim, quero acreditar que compreendem o que estou a dizer… read more

[pausa de domingo] Pausa, de facto.

ghibli

Sinceramente, o primeiro semestre de 2022 vai ficar na minha memória por algumas circunstâncias. A mais vincada, penso que será a constante disrupção de um estado de boa saúde. (Olha para mim, a tentar ser positiva!)

Desde Janeiro que não faço mais nada a não ser gerir doenças. E, infelizmente, não apenas as minhas. read more

[pausa de domingo] Aceitar quem somos para que a nossa arte o reflicta

aceitar

Nas artes visuais costuma-se dizer que, devemos praticar até que o nosso estilo pessoal possa emergir, nas obras que vamos criando.

Na arte da escrita, acontece algo semelhante, devemos escrever muito até que a Voz própria, possa emergir nos nossos escritos. read more

[pausa de domingo] escrever é nunca parar de perguntar

um livro

Estava a ler “Poesia” de Manuel Alegre, subtítulo o “Livro do Português Errante”, e deparei-me com este poema…

Um livro escreve-se uma vez e outra vez.
Um livro se repete. O mesmo livro.
Sempre. Ou a mesma pergunta. Ou
talvez
o não haver resposta. (…) – excerto do poema ‘Um Livro’ de Manuel Alegre read more

[pausa de domingo] consumo ou inspiração?

consumo ou inspiração

Há um enorme movimento associado ao controlo do consumo humano.

[Situação que ganhou uma expressão nova em 2022, pós pandemia e com a guerra a decorrer nos limites da Europa, a provocar dificuldades acrescidas nos fornecimentos.] read more