O Livro do Chá – Kakuzo Okakura

“… Os nossos padrões de moralidade são retirados de necessidades passadas da sociedade, mas deverá a sociedade manter-se sempre igual? A observância de tradições comunais implica um sacrifício constante do indivíduo ao Estado. A educação, para poder acompanhar o poderoso engano, encoraja uma espécie de ignorância. Não se ensinam as gentes a ser realmente virtuosas, mas a comportarem-se convenientemente. Somos ruins porque estamos terrivelmente conscientes de nós próprios. Nunca perdoamos aos outros porque sabemos estar nós próprios enganados. Alimentamos uma consciência porque tememos dizer a verdade aos outros; refugiamo-nos no orgulho porque tememos dizer a verdade a nós próprios. Como havemos de tratar o mundo com seriedade quando o próprio mundo é tão ridículo!…”

Força (Uma Página De História) – Da Weasel

Tás a sentir
Uma página de história
Um pedaço da tua glória
Que vai passar breve memória
Tamos no pico do verão mas chove
Por todo o lado
Levo uma de cada
Já tou bem aviado
Cuspo directo no caderno
Rimas saídas do inferno
Que passei à tua pala
Num tempo que pareceu eterno
Tou de cara lavada
Tenho a casa arrumada
Lembrança apagada
De uma vida quase lixada 

Passeio
read more

Líderes precisam-se, com urgência

  Estatísticamente falando e pessoalmente também, o que mais há: Falta de líderes, Presunção de liderança e Coordenação imbecil.   O artigo do link em baixo só ajuda a confirmar a ideia: Líderes precisam-se, com urgência   http://clix.expressoemprego.pt/scripts/Actueel/display-article.asp?ID=1825   Agora a questão é será que não existem? Ou andam “escondidos”? Ah! Já sei, é que só é líder quem possui todos os factores determinantes: conhecimentos, dinheiro, boa linhagem e pouca imaginação…

Precário?!

Eu achava que este meu “espacinho” não iria servir para isto. Mas a verdade é que os últimos tempos a minha vida tem sido esta… precariedade, insegurança, raiva… entre outros… Fica aqui um pedacinho de quem se explica melhor do que eu neste contexto:  

“…deu-se aos trabalhadores o reverso da medalha: uma lei de despedimentos que garante trabalho até à eternidade a quem o tem e precariedade para sempre a quem o não read more