Palavras Soltas: Algumas pessoas têm bondade no coração

Leon Logothetis

O primeiro pensamento que me ocorreu quando me deparei com o programa televisivo ‘The Kindness Diaries’ foi: ‘Como é que ele consegue andar por aí a pedir que o sustentem em troca de nada?… E com uma equipa de filmagem atrás.’ read more

Palavras Soltas: Fora com as banalidades! Eu também não sei!

não sei

Onde vou arranjar o que é suposto saber? Eu também não sei. As pessoas relacionam-se com aquilo que não sabemos, e para o qual procuramos uma resposta, não com aquilo que sabemos e queremos passar.

E são tantas as coisas que eu não sei. read more

Palavras Soltas: 25 de Abril. Dia de quê?

Prosperar cópia

“A cada dia alcança alguma coisa que te fortifique contra a pobreza, contra a morte, e mesmo contra outros infortúnios; e, depois de teres reflectido sobre vários pensamentos, escolhe um deles para ser cuidadosamente digerido a cada dia.” Seneca in ‘Letters from a Stoic‘ (letter 2: Discursiveness in Reading) – trad. livre de Sara Farinha

Porque a tua fraqueza é a força dos que estão mais bem preparados no plano mental. Aqueles que usam essa vantagem para alargar o fosso entre os que nada entendem e aqueles que tudo dominam. Pelo conhecimento e uso, sem qualquer escrúpulo ou noção de correcção moral, protegem o que têm (e não lhes pertence), roubando aqueles que acreditam não precisar de saber nada, muito aprofundadamente, sobre coisa alguma. read more

Palavras Soltas: Ter Poder é… Escolher

poder

“… ter o poder não é possuir o Um Anel, e sim destruí-lo.” J.R.R. Tolkien

É o poder de decidir, a capacidade de escolher, que nos distingue uns dos outros. É decidir, e executar, que nos atribui a qualidade daqueles que fazem coisas e que se demarcam dos restantes. read more

Palavras Soltas: A escrita para fugir da vida

vida

“Não se trata de uma alternativa à vida, e muito menos de fuga à vida, mas sim da própria vida: recoberta no entanto por uma singular forma de luminosidade, como se estivesse, e não estivesse, a habitar plenamente o tempo presente.” Joyce Carol Oates, ‘A Fé de um Escritor’

Até à data, esta é a melhor resposta à pergunta: Para que serve a escrita? read more