Os meus Livros em 2011 e as Escolhas para 2012

Aqui estão alguns livros lidos em 2011, que de alguma forma me marcaram, e algumas escolhas para 2012.

Φ read more

Entrevista no ‘Morrighan’

Foi com muito prazer que dei mais uma entrevista, desta vez no blogue ‘Morrighan’. De cariz mais pessoal, esta entrevista tornou-se num desafio muito interessante. Sigam a hiperligação e vejam-a aqui: Entrevista a Sara Farinha.

Quero agradecer a Sofia Teixeira, administradora do ‘Morrighan‘, pela simpatia e apoio demonstrados. read more

Diário de Bordo: O (Espectacular) Balanço de 2011 e os Planos para 2012_2ª parte

Tal como mencionado anteriormente, esta é a segunda parte do artigo ‘O (Espectacular) Balanço de 2011 e os Planos para 2012’. Estes são os ‘Planos para 2012’…

Φ read more

Diário de Bordo: O (Espectacular) Balanço de 2011 e os Planos para 2012

Este é um artigo que se tornou mais extenso do que eu previa por isso, decidi dividi-lo em duas partes. Assim, aqui fica o ‘Balanço de 2011’…

Φ read more

Diário de Bordo: Sobre os Desafios Literários de 2011

Aproxima-se o fim do ano de 2011, os últimos dias são engolidos pela espiral do tempo e chega a época em que nos perguntamos o que andamos por aqui a fazer. É nesta altura que, por tradição ou desejo, damos connosco a contemplar o ano que passou e a ponderar naquilo que o próximo ano nos poderá trazer.

Eu e este espacinho virtual não somos excepção. Assim, preparei algumas palavras sobre os momentos mais marcantes deste ano, que tenciono partilhar convosco ao longo deste últimos dias de 2011. read more

Diário de Bordo: Practice what you preach

Há alguns dias atrás achei boa ideia dar um conselho. Isto não é coisa que normalmente faça de ânimo leve, porque acredito que aconselhar alguém é uma actividade demasiado “cabeluda” para o meu gosto (e no meio de tanto cabelo haverá alguma coisa que se aproveite por baixo?!)

Acho que a maioria de nós gosta de dar conselhos, mas recebê-los… nem tanto. No entanto, para mim, existem dois critérios básicos que é preciso respeitar, para que o dito conselho seja válido e útil. read more

Diário de Bordo: Escolher a capa do meu livro…

Criar a capa de um livro é um desafio cujo resultado é sempre imprevisível. Por um lado ninguém conhece a história tão intimamente como o autor, o que gera ideias bem definidas sobre o que é o melhor. Por outro lado não somos objectivos o suficiente para avaliar se o que temos é o melhor.

Todos os autores querem que a sua obra tenha uma capa apelativa. Algo que leve as pessoas a comprar o livro, mesmo que não tenham a mais pálida ideia sobre o género literário ou o conteúdo da obra. Sim! Aparentemente há quem compre livros pela sua capa (e quem os julgue também). read more